SJMR Porto Alegre participa de projeto comunitário para reforma da Biblioteca Aninha Peixoto

Home / Brasil / SJMR Porto Alegre participa de projeto comunitário para reforma da Biblioteca Aninha Peixoto

O SJMR Porto Alegre, por meio do Programa Integrando Horizontes, conduziu o projeto da “Reforma da Biblioteca Comunitária Aninha Peixoto”, que fica localizada no bairro Rubem Berta, na capital gaúcha. A iniciativa promoveu reparos no espaço comunitário que atende migrantes e brasileiros para integração comunitária, através da metodologia IBP© Iniciativas de Balance Positivo – da Fundação Pan-Americana para o Desenvolvimento (PADF).

O projeto contou com várias etapas de execução e iniciou com uma reunião de consulta à comunidade no dia 06 de julho, onde foram realizados todos o levantamento das demandas e o planejamento da reforma. Os reparos iniciaram no dia 23, com mutirão de limpeza e pintura das grades externas do muro. Outra força-tarefa na comunidade foi feita no dia 24, para dar continuidade às modificações na parte externa da fachada e iniciar a pintura interna da sala de aula, janelas e portas. Já no dia 28, foi promovida uma oficina de vasos com garrafa pet reutilizáveis para a horta vertical, promovendo o ensino de práticas sustentáveis na comunidade.

“A nossa intenção foi realizar a melhoria de um espaço da comunidade que beneficia, tanto o público migrante, como o brasileiro, visando a coexistência pacífica no território”, comenta a analista social do SJMR Porto Alegre, Juliana Camelo.

O espaço da biblioteca era uma antiga delegacia que foi doada para a Associação dos Moradores do Bairro Santa Rosa, que se transformou na Biblioteca Comunitária Aninha Peixoto. Além de ser um espaço de integração, o local também incentiva a leitura, o estudo e a educação – ferramentas que podem transformar a realidade social dos jovens da periferia norte.

A intenção do Projeto Comunitário é construir um ambiente em que as comunidades migrantes e brasileiras dos bairros Rubem Berta e outros da Zona Norte, tenham acesso à Biblioteca Comunitária, ao cursinho Emancipa Santa Rosa, e à associação de moradores do Bairro Santa Rosa. Um dos maiores problemas que a comunidade da periferia Zona Norte enfrenta é a evasão escolar e a falta de perspectiva profissional, por isso, a iniciativa fortalece a presença do “Emancipa”, cursinho social para jovens de Baixa renda estudarem para o vestibular.

Todas as pessoas que participaram nos mutirões do Projeto Comunitário são voluntários. As atividades estão sendo conduzidas por: Juliana Camelo (Coordenadora do Projeto e Analista Social do SJMR Porto Alegre), Blanca Hernandez (Liderança migrante do bairro Sarandi), Yamileth Gonzalez (Liderança do bairro Rubem Berta), Maria de Fátima do Rosario (Liderança do Bairro Santa Rosa e Coordenadora da Biblioteca Comunitária), Diéssica Cardoso (Ex-estudante do cursinho e coordenadora do Emancipa Mulher), Antonio Morais (Ex-estudante do cursinho e coordenador do Emancipa Jovem) e Ketlyn Schneider (Estudante do cursinho Emancipa e coordenadora do Emancipa Mulher). Além do apoio da PADF e Associação dos Moradores do Bairro Santa Rosa.

Confira os registros:

Deixe um Comentário