SJMR busca ampliar as vagas para interiorização via trabalho no sul do país

Home / Boa Vista / SJMR busca ampliar as vagas para interiorização via trabalho no sul do país

Com a proposta de ampliar o Programa de Interiorização de Venezuelanos, via trabalho, o SJMR Boa Vista esteve nos estados do Paraná (PR) e Santa Catarina (SC), entre os dias 22 e 30 de novembro, em visitas às empresas para a prospecção de novas vagas de emprego.

Na ocasião, o jesuíta e colaborador do SJMR Boa Vista, Carlos Miguel Brum Lopes, visitou os municípios de Seara, Chapecó e Ipumirim, em Santa Catarina e Londrina, Rolândia, Jaquapitã, Santo Inácio, Colorado, Nossa Senhora das Graças e Apucarana, no Paraná. Também foram realizados encontros com migrantes venezuelanos interiorizados nas localidades, com as Igrejas Luteranas de Seara (SC) e Rolândia (PR) e com as dioceses de Londrina e Apucarana (PR), onde o SJMR realiza as ações de interiorização em parceria com a Cáritas Diocesana. “Foram sinalizadas novas vagas para o início do próximo ano, com o apoio do Grupo JBS. Também tivemos encontro com a empresa Aurora Alimentos e com as secretarias de assistência de vários municípios, com o objetivo de oferecer maior suporte na reinserção local desses migrantes”, destacou Carlos.

Reunião com a equipe do grupo JBS, em Seara (SC).

Interiorizado a sete meses e contratado pela empresa Aurora, em Chapecó, Júlio Cesar Reyes Garcia, conta que após o período de adaptação ele já consegue cumprir todas as metas exigidas nas estações de trabalho. Se sente bem com a nova vida. “As pessoas da cidade são muito amigáveis e humanas. Sabem que viemos de uma situação precária e nos dão seu apoio. A cultura, o clima e a paisagem são bem diferentes de Boa Vista e, desde que estamos aqui, não temos visto nada de negativo. Ter sido interiorizado pelo SJMR foi uma benção, uma grande oportunidade”, ressaltou o migrante venezuelano.

Encontro com migrantes venezuelanos, no município de Guatambu.

Luis Boyer também faz parte dos migrantes interiorizados pelo SJMR. Ele ressalta a importância do Programa de Interiorização, que tem possibilitado um novo de recomeço para os venezuelanos que estão em Boa Vista. “Eu fui selecionado para uma oportunidade na empresa Seara do Grupo JBS, na cidade de Itapiranga (SC). Me sinto muito afortunado por estar nessa cidade. A empresa cumpre muito bem todas as políticas de integração de migrantes ao trabalho, sem qualquer discriminação. Nossos filhos também tiveram nova oportunidade de vida. Hoje eles têm melhores acessos à saúde, educação e entretenimento”, relata o venezuelano que já foi promovido em duas oportunidades.

Encontro na Diocese de Londrina.

O Programa de Interiorização do SJMR já interiorizou mais de 1300 venezuelanosem 16 estado, por meio da mobilização de empresas e redes solidárias de acolhida e assistência social.

Deixe um Comentário