SJMR Belo Horizonte, em parceria com o ACNUR, entrega kits para fomento ao empreendorismo à migrantes venezuelanos

Home / Belo Horizonte / SJMR Belo Horizonte, em parceria com o ACNUR, entrega kits para fomento ao empreendorismo à migrantes venezuelanos

A equipe da área de Meios de Vida do SJMR Belo Horizonte entregou, no dia 26 de agosto, a primeira parte dos kits para fomento ao empreendedorismo, projeto que é desenvolvido em parceria com o ACNUR. Nessa data, os kits foram cedidos para migrantes no bairro Bandeirinhas, onde estão sendo apoiadas oito iniciativas empreendedoras, totalizando 16 venezuelanas beneficiadas. Além disso, também foram entregues kits no escritório do SJMR para mais duas mulheres venezuelanas residentes em BH.

De acordo com a Analista Social, Thais Viana, é muito importante conhecer o local de trabalho das mulheres empreendedoras que estão sendo apoiadas. “A ida ao Bairro Bandeirinhas foi bastante positiva. Pudemos entregar parte dos materiais que vamos fornecer para cada grupo, sabendo que vão ser úteis. Inclusive, durante a entrega várias delas relataram que possuíam encomendas e que já começariam a usar no mesmo dia”, relata.

Nesta primeira parte do projeto foram entregues eletrodomésticos como batedeiras, liquidificadores e multiprocessadores que irão melhorar o processo de produção dos produtos alimentícios produzidos pelas beneficiadas. Também foi dada uma máquina de costura overlock para uma empreendedora no ramo de confecção e pequenos reparos de roupas.

Uma das beneficiadas, a venezuelana Karolca Bacalao Garcia, já está fazendo planos para o futuro. “Acredito firmemente na dieta holística, saudável, orgânica e vital que os produtos da nossa mãe terra nos oferecem. Poder contar com os equipamentos da cozinha é um grande incentivo para mim, como ter o multiprocessador, que me permitirá continuar a fazer o meu falafel de grão de bico, hambúrgueres veganos e homus e assim proporcionar a muitas pessoas uma alimentação mais consciente e orgânica. Muito obrigada SJMR por investir no meu negócio!”.

Além de receberem os kits para iniciação, as migrantes e refugiadas poderão contar com um processo de formação, a Semana do Empreendedorismo – Migrantes e Refugiados em Minas, que será realizada pelo SJMR-BH, ACNUR e Sebrae Minas entre os dias 14 e 23 de setembro, para que elas se informem sobre os mecanismos de fortalecimento de negócios, de forma a garantir que ampliem as capacitadas técnicas para gestão e regularização do empreendimento.

O restante dos materiais deverão ser entregues no mês de outubro. Ao todo, serão beneficiados 20 empreendedores venezuelanos, que também terão seus trabalhos divulgados no perfil Entre.a.Gente ao longo do ano.

Confira os registros:

Deixe um Comentário