SJMR Brasil compõe mesa internacional “Refugiados e Migrantes Invisíveis da Venezuela durante COVID-19: Impacto desproporcional em grupos de proteção especial”

Home / Belo Horizonte / SJMR Brasil compõe mesa internacional “Refugiados e Migrantes Invisíveis da Venezuela durante COVID-19: Impacto desproporcional em grupos de proteção especial”

A Plataforma R4V irá promover, nesta quinta-feira (27), ás 09h (horário do Panamá), o evento online “Refugiados e Migrantes Invisíveis da Venezuela durante COVID-19: Impacto desproporcional em grupos de proteção especial”. O objetivo do painel é abordar as necessidades específicas e os impactos desproporcionais da crise de COVID-19 em grupos específicos de refugiados e migrantes da Venezuela, garantindo que sua exposição a riscos se torne visível e defendendo um maior apoio para garantir uma resposta adequada para lidar com as questões. Para participar, basta se inscrever no link.

A analista de integração social do SJMR Belo Horizonte e líder indígena Warao no Brasil, Yolis Lyon, irá compor a mesa “Luta pela autodeterminação e cultura: refugiados indígenas e migrantes da Venezuela”, juntamente com Deiris Ramos, representante dos adolescentes do Povo Warao no Brasil. As migrantes abordarão as lacunas, desafios, necessidades e status da população indígena Warao no Brasil, além de algumas respostas de enfrentamento.

Por meio desse diálogo, o Setor de Proteção Regional do R4V busca garantir que o impacto desproporcional da pandemia em grupos específicos de refugiados e migrantes venezuelanos seja destacado e que, por meio da assistência da comunidade internacional – tanto em termos de apoio financeiro quanto de defesa – seja possível assegurar os direitos desse grupo.

Deixe um Comentário