20 de junho: Dia Mundial do Refugiado – SJMR Brasil promove programação especial para marcar a reflexão sobre as pessoas em deslocamento forçado

Home / Belo Horizonte / 20 de junho: Dia Mundial do Refugiado – SJMR Brasil promove programação especial para marcar a reflexão sobre as pessoas em deslocamento forçado

Eventos online e ações de integração social e comunitária fazem parte da programação especial do SJMR Brasil e parceiros, que marca a data e amplia a reflexão da sociedade brasileira para um maior acolhimento e hospitalidade às pessoas refugiadas.

Falta território seguro, mas sobra coragem. É nesse contexto que milhões de pessoas ao redor do mundo se veem obrigadas a sair de seus países de origem para fugir de perseguições, de violações dos direitos humanos, de conflitos armados ou de calamidades naturais. Para lembrar a força, a coragem e a resistência dessas pessoas, além de sensibilizar governantes e a população para essa questão humanitária, no próximo dia 20 de junho, promovemos diversas ações de conscientização pelo Dia Mundial do Refugiado.

Com o objetivo de fortalecer as reflexões da data, ao longo da próxima semana – de 14 a 19 de junho – o Serviço Jesuíta a Migrantes e Refugiados (SJMR Brasil) promoverá uma programação especial com eventos online e atividades de integração social e comunitária nas cidades onde possui centro de atendimento às pessoas migrantes e refugiadas: em Belo Horizonte (MG), Boa Vista (RR), Manaus (AM) e Porto Alegre (RS). Confira programação completa abaixo ou baixe aqui.

Na capital mineira, com transmissão ao vivo pelo Facebook e Youtube SJMR Brasil, será realizada a live musical “Tantos Somos, Somos Um”, que contará com a participação de artistas migrantes, refugiados e brasileiros e com a apresentação do ator Eduardo Mossri, que interpretou o médico Faruq na novela “Órfãos da Terra” da Rede Globo. O evento online ocorrerá no dia 19 (sábado), a partir das 17h (horário de Brasília) e a edição deste ano faz conexão com as celebrações do Ano Inaciano 2021-2022, que marca uma série de atividades e eventos que recorda os 500 anos da conversão de Santo Inácio de Loyola, fundador da Companhia de Jesus. Como lema “Ver novas todas as coisas, não somente refugiados e migrantes”, haverá bate-papo ao vivo com migrantes e refugiados de diversas nacionalidades, além de apresentações artísticas e musicais.

Também em Belo Horizonte, será realizado o lançamento da exposição fotográfica virtual: “Vidas, em itinerários à integração”, que traz o registro de famílias venezuelanas interiorizadas em Minas Gerais. Além da exposição virtual que poderá ser conferida no site do SJMR Brasil, a partir de 18 de junho, as imagens também serão projetadas nas fachadas de prédios do centro da capital mineira, na noite de sexta-feira.

Ainda em sintonia com as celebrações do Ano Inaciano, Pe. Agnaldo Júnior, SJ, diretor nacional do SJMR Brasil será um dos convidados do programa digital “Loyola em Foco”, que trará a discussão sobre “O carisma Inaciano no serviço aos migrantes e refugiados”. A live, que será realizada no dia 17 (quinta-feira), às 15h30, com transmissão ao vivo pelo Youtube das Edições Loyola e Facebook do SJMR Brasil, contará com a participação de Terida Munoz, analista social do SJMR Boa Vista.

No sul do país, o SJMR Porto Alegre promove um dia repleto de atividade de integração social e comunitária que reunirá pessoas migrantes e refugiadas, comunidade local e setores público e privado, na zona norte da capital gaúcha.  A “Ação Social Integrando Horizontes” será realizada no CRAS Norte, no bairro Sarandi e disponibilizará serviços itinerantes do SJMR, além de atividades diversas, como: rodas de conversa sobre prevenção de violência baseada em gênero, distribuição de cartilhas, entregas de “kit dignidade” e apresentações culturais.

Diretor nacional do SJMR Brasil, Pe. Agnaldo Júnior, SJ chama a atenção para a conscientização que a data oportuniza e para a necessidade de intensificarmos iniciativas e ações de proteção, acolhida e integração para as pessoas em deslocamento forçados. “O Dia Mundial do Refugiado é uma oportunidade para que o poder público, organizações da sociedade civil e a população brasileira possam refletir sobre a necessidade da hospitalidade e de tornamos o Brasil um país mais humano, acolhedor e solidário. Portanto, na próxima semana, o SJMR Brasil realizará uma série de iniciativas para ampliar esse espaço de diálogo, somando esforços na proteção e acolhida de migrantes forçados, solicitantes de refúgio e refugiados no Brasil”, disse.

O Dia Mundial do Refugiado

Em dezembro de 2000, a Organização das Nações Unidas (ONU) estabeleceu o dia 20 de junho como o Dia Mundial do Refugiado. Desde 2001, a data marca manifestações ao redor do mundo acerca das pessoas em deslocamento forçado e propõe uma reflexão sobre o drama de milhares de refugiados que se viram obrigados a deixar seus lares em busca de uma vida melhor em outro país.

De acordo com o Relatório Global da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) divulgado no ano passado, o deslocamento forçado afeta mais de 1% da humanidade (uma em cada 97 pessoas). O documento revela que 79,5 milhões de pessoas estavam deslocadas por guerras, conflitos e perseguições – um número sem precedentes e jamais verificado pelo ACNUR. O estudo ainda aponta que o número de refugiados praticamente dobrou na última década, e, em contrapartida, são cada vez menores as perspectivas de que essas pessoas encontrem boas condições de vida nas regiões em que procuram abrigo, sobretudo no atual contexto da pandemia do Covid-19.

Com o fechamento da fronteira há mais de um ano, Pe. Agnaldo alerta que a medida não tem sido suficiente como barreira sanitária e ainda violou o direito de as pessoas solicitarem asilo. “Em nosso escritório em Boa Vista/RR, mais próximo da fronteira com a Venezuela, temos observado que as pessoas continuam entrando por caminhos alternativos, onde estabeleceu-se um verdadeiro negócio. Outras dificuldades também se somam como consequências do fechamento das fronteiras e as entradas pelas “trochas” (rotas alternativas), como a impossibilidade de regularização da sua condição migratória sem uma permissão de entrada regular, a dificuldade de  acesso ao trabalho formal por falta de documentação, além dessas pessoas viverem sob tensão e medo constante de serem deportadas”, destacou.

Confira a programação completa do SJMR Brasil para o Dia Mundial do Refugiado:

SJMR Brasil

Live “O carisma Inaciano no serviço aos migrantes e refugiados”, no Programa Digital Loyola em Foco, com a participação de Pe. Agnaldo Júnior, diretor nacional do SJMR Brasil, e de Terida Del Valle Guanipa Munoz, analista social do SJMR Boa Vista.
Data: 17/06
Horário: 15h30 (horário de Brasília)
Onde assistir: Transmissão pelo Youtube das Edições Loyola Loyola  

Live “Migração e Diálogo: Quem bate a sua porta?”:  atividade em alusão pela 36. Semana do Migrante promovida pelo Serviço Pastoral dos Migrantes (SPM) de Boa Vista, com a participação de Pe. Agnaldo Júnior, diretor nacional do SJMR Brasil; Dom José Luiz Ferreira Salles, bispo de Pesqueira (PE); Dom José Valdeci Santos Mendes, bispo de Brejo (MA); Sandra Quintela, Rede Jubileu Sul Brasil e Padre Fabio Baggio, subsecretário do Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral, mediada por Ana Valin, da equipe Grito dos Excluídos.
Data: 17/06
Horário: 8h (horário de Brasília)
Onde assistir: Plataforma ZOOM

SJMR Belo Horizonte

Live Musical ao vivo “Tantos Somos, Somos Um”: Participação de artistas migrantes, refugiados e brasileiros com a apresentação do ator Eduardo Mossri. Evento online conectado com a celebração dos 500 anos da conversão de Santo Inácio. Lema: “Ver novas todas as coisas, não somente refugiados e migrantes”.
Data: 19/06
Horário: 17h (horário de Brasília)
Onde assistir: Transmissão ao vivo pelo Youtube e Facebook SJMR Brasil

Lançamento da exposição fotográfica virtual: “Vidas, em itinerários à integração”: Histórias e registros de famílias venezuelanas interiorizadas em Minas Gerais e projeção em fachadas de prédio da cidade de Belo Horizonte. 
Data: 18/06 
Horário: 19h30  
Onde assistir: Site SJMR Brasil 

SJMR Boa Vista

Sessões de Cinema “Migração e Refúgio”: Apresentações de filmes sobre a temática migratória e realização de debates sobre o assunto.
Data: de 14 a 16/06
14/06 – Filme Promesa Falso
15/06 – Filme Nina
16/06 – Filme Bolishoping
Horário: das 9h às 11h (horário de Boa Vista)
Onde participar: Auditório do SJMR Boa Vista – Avenida General Ataíde Teive, nº 2386A – Liberdade – Boa Vista (RR)

Mural do Refugiado: inspirados pela atividade realizada pelo embaixador do ACNUR, Pedro Bial, o SJMR Boa Vista realizará a construção de um mural com os objetos e experiências que as pessoas migrantes e refugiadas mais sentem falta de seus países.
Data: 17/06
Horário: das 9h às 11h (horário de Boa Vista)
Onde participar: Auditório do SJMR Boa Vista

SJMR Manaus

Semana de Migrantes e Refugiados: sessões Informativas sobre o mundo trabalho, rodas de conversa temáticas, elaboração de currículos, CTPS digital, cadastro no Banco de Empregos, gincanas para crianças, atividades culturais e momento de espiritualidade.
Data: de 15 a 18/06
Horário: das 9h às 12h30 e das 13h30 às 16h
Onde participar: Centro de Atendimento do SJMR Manaus – Av. Constantino Nery, nº 1029 – Bairro São Geraldo – Informações: (92) 99157-6097

SJMR Porto Alegre

Oficina “Empreendedorismo Feminino” – Canoas (RS): entrega de kits de iniciação para mulheres migrantes e refugiadas que são microempreendedoras.
Data: 11/06
Horário: das 9h às 16h
Onde participar: Universidade Luterana do Brasil (ULBRA) de Canoas – Av. Farroupilha, 8001 – São José, Canoas – RS

Sensibilização dos alunos do Colégio Anchieta – Porto Alegre (RS): atividade presencial de sensibilização sobre a migração e o contexto das pessoas migrantes e refugiadas para alunos 4°ano do ensino fundamental. A ação será conduzida por Juliana Camelo, do SJMR Porto Alegre.
Data: 17/06
Horários: 9h30 e 14h30

SJMR Itinerante: atividade de integração social e comunitária na zona norte de Porto Alegre, envolvendo comunidade local, migrantes e refugiados, setor público e privado, com a disponibilização dos serviços itinerantes do SJMR, rodas de conversa sobre prevenção de violência baseada em gênero, distribuição de cartilhas, entregas de “kit dignidade” e atividade cultural.
Data: 19/06
Horário: das 10 às 15h
Local: Ginásio de Esportes Irmão Portillo, próximo ao Centro Comunitário da Vila (Cecove) ao lado do CRAS Norte, Rua Paulo Gomes de Oliveira, 200, Bairro Sarandi.

Eventos com a parceria e o apoio do SJMR Brasil

Podcast Boa Bixa: migrantes apoiadas pelo SJMR Boa Vista participam do podcast Boa Bixa, produção para a comunidade LGBTQIA+. O episódio aborda as diferenças entre os direitos LGBTQIA+ no Brasil e Venezuela, os desafios e como a população LGBTQIA+ brasileira pode apoiar as pessoas LGBTQIA+ em deslocamento forçado.
Data:
20/06
Onde ouvir: Podcast Boa Bixa

II Semana do Migrante do Rio Grande do Sul: novos rostos, memórias e horizontes
Mesa: Incidência política em torno da Portaria 652/2020 e 654/2021
Mediadora: Laura Ferrari (SJMR Porto Alegre)
Discussão sobre as dificuldades enfrentadas no período; como tornar os sistemas de regularização mais acessíveis, para autonomizar os migrantes; as experiências da Polícia Federal nos mutirões de atendimento periódicos junto à municípios e instituições da rede; as vivências dos migrantes frente às dificuldades impostas pela portaria.
Data: 16/06
Horário: 18h

Mesa: Inserção laboral via emprego
Sensibilização de empresários sobre a contratação de migrantes com a participação de Lucas do Nascimento, coordenador do SJMR Porto Alegre e outros convidados.
Data: 17/06
Horário: 18h

Semana Municipal do Migrante de Porto Alegre
Webinário “Povo Warao”
, com a participação dos expositores: Lívia Andrade (ACNUR), Jennifer Alvarez (OIM), Paulo Quintero (UFRGS), Clemente de Marechal (UFRGS).
Mediadora: Juliana Camelo (SJMR Porto Alegre)
Data: 17/6
Horário: 19h30

Feira do Imigrante
60 barracas com produtos e artigos produzidos por pessoas migrantes e refugiadas.
Data: 19 e 20/06
Horário: das 10 às 18h
Onde participar: Praça Júlio Mesquita – Porto Alegre (RS)

Deixe um Comentário